Conecte com a gente!

Palmares do Sul

Ekipirão sagra-se campeã da 1ª Gincana da Panela de Palmares do Sul

Henrique Pajares

Publicado

em

Os raios solares da bonita manhã do dia 1º de maio de 1999 estimularam a adrenalina dos participantes das equipes que disputaram a 1ª Gincana da Panela de Palmares do Sul. Elas proporcionaram um belo desfile de abertura da competição para a comunidade, que saiu às ruas para ver de perto o evento.

A primeira equipe a entrar na avenida Luiz Silveira foi a Ekipirão, seguida pela Fuzileiros e Motojeep. Mais de 700 pessoas participaram do desfile, com aproximadamente 100 veículos, entre carros, motos, jipes e camionetas.

Palmares do Sul paralisou, o comércio fechou e a comunidade teve a oportunidade de apreciar a criatividade e o bom gosto dos concorrentes que programaram-se para vencer, mas acima de tudo, transmitir o espírito de integração, solidariedade, confraternização e união.

Primeira tarefa foi executada às margens do Rio Palmares

A primeira tarefa da Gincana da Panela foi executada às margens do Rio Palmares, no final da avenida 17 de abril, próximo a Salga do Ego. As três equipes tiveram que conseguir um cão com menos de 60cm de comprimento. Este deveria atravessar a nado o rio, em um trecho de aproximadamente 70 metros. A vencedora foi a equipe Fuzileiros com a cadelinha Beyti. O segundo lugar ficou com a Ekipirão com a cadela Laika e em terceiro lugar com o Motojeep, com a cadela Dina.

A Gincana teve 20 provas, entre elas enigmas, tarefas extras e competitivas.

Ekipirão sagra-se campeã

Eram 21 horas do dia 1º de maio quando a Comissão Organizadora deu o resultado da 1ª Gincana da Panela de Palmares do Sul. A Ekipirão, somando 39 pontos, foi a grande campeã, seguida dos Fuzileiros, com 34 pontos, e da Motojeep, com 30. As equipes, muito bem organizadas, sabiam de cada detalhe e pontos somados, sabendo, inclusive, o resultado antes mesmo do anúncio do organizador Betinho.

Depois do anúncio do resultado, houve uma confraternização entre as equipes que invadiu a madrugada, inclusive com carreata pela cidade. Este evento, segundo alguns membros da comunidade, foi o que mais mobilizou pessoas dentro da Sede do município com objetivos apenas de confraternização, união e espírito esportivo.

Informática colaborou com a vitória

A Ekipirão, embora com um número bem menor de participantes que as demais, dividiu vários grupos de trabalho de acordo com as tarefas que eram apresentadas. Desta maneira os líderes tinham como cobrar as tarefas mal executadas, caso alguma não tivesse o êxito esperado.

A equipe, inclusive, montou uma sala computadorizada para agilizar os trabalhos e facilitar a interpretação das tarefas, para tentar chegar a uma solução com mais rapidez e eficiência.

Conheça as equipes

A campeã da Gincana, Ekipirão, composta por 174 membros, teve o seu QG na Escola Albano Alves Pereira. O Capitão foi Totonho, o Tenente Jairo Jesus, e o Casal Chefe Guido e Toninha. A equipe Motojeep foi a que teve mais integrantes no grupo, com 378 membros. O Capitão foi Jardim, Tenente Gilson Cunha e Casal Chefe Ronaldo e Maria Luiza. O QG da equipe foi montado no antigo Asun. A Fuzileiros foi composta por 250 integrantes, sendo 50 crianças. Tinha como Capitão Cleomar, o Tenente Claudio Alves e o Casal Chefe Silvana e Rodrigo. O QG foi na Escola Manoel Luis Osório.

Por que Gincana da Panela?

“Escolhi esse nome porque fala-se muito nesta palavra, não só em Palmares, mas também em vários outros lugares. Diz-se a determinados grupos de pessoas, reuniões, entidades, agrupamento e tantos outros seguimentos na qual unem-se para tratar de assuntos diversos, que é uma panela ou panelinha.

Como em Palmares o trabalho em grupo está nascendo, surgindo novas ideias, associações e interesses comunitários, no meu ponto de vista, de fundamental importância na vida do ser humano, coisa que não havia até então. Talvez por isso muitos insistem em usar a palavra panela.

Assim sendo, achei interessante este nome, pos aquele que não participa de panela, seja de interesse comunitário ou simplesmente relacionado a reunião de amigos, tem motivos de sobra para usar o tema como forma de criticar”.

Gilberto Cardoso – Betinho
Organizador da Gincana da Panela

Palmares do Sul

Ex-presidente lidera chapa para comandar o Hospital São José

Henrique Pajares

Publicado

em

Roberto Hirtz Dutra, ex-presidente do Hospital São José por três gestões, colocou seu nome a disposição para concorrer novamente a presidência da entidade de Palmares do Sul. Roberto liderou a Sociedade Beneficente por seis anos consecutivos, eleito três vezes seguidas ao cargo. Como vice-presidente na chapa apresentada, Hirtz terá ao seu lado o também ex-presidente Nilson Schaich.

DIRETORIA
Presidente: Roberto Hirtz Dutra – Produtor Rural
Vice-presidente: Nilson R. Schaich – Empresário Supermercado Santa Cruz
1ª Secretária: Ana Terezinha Marques da Fonseca – Secretária do Sindicato Rural
2ª Secretária: Angela Ferreira – Secretária Comite Bacias Litoral Norte
1º Tesoureiro: Vainer Virgilio de Lima Rosa – Sede Palmares do Sul
2º Tesoureiro: Ismael A. da Silva – Cooperativa Sicredi

CONSELHO FISCAL
Artur Mostardeiro – Granja Vargas
Airton Cardoso de Aguiar – Sede Palmares do Sul
José Antônio Barbosa Reis – Toninho Despachante

SUPLENTES
Marco Antônio Cardoso – Empresário
Luiz Carlos da Silva Andrade – Produtor Rural
Elton Osório – Produtor Rural

CONSELHO CONSULTIVO
Alex Correa – Emater Palmares
Dilma Silveira Morais – Médica
Airton F. de Azevedo – Empresário Elipal

SUPLENTES
Telmo Medeiros de Freitas – Produtor Rural
Ademir Sonalio Fernandes – Produtor Rural
Pedro Mariot – Produtor Rural

Continue lendo

Palmares do Sul

Agora por quatro anos, Mauricio e Gilmar tomam posse em Palmares do Sul

Henrique Pajares

Publicado

em

A dupla Mauricio Muniz e Gilmar Souza, que venceu as eleições suplementares em Palmares do Sul em 2019 e as eleições municipais em 2020, tomou posse em sessão solene realizada na Câmara de Vereadores no dia 1º de janeiro. Agora por quatro anos, a dupla e toda a equipe de governo terá pela frente um longo período de trabalho para continuar colocando Palmares no caminho certo, mas com um obstáculo a mais: a pandemia do coronavírus.

Em seu discurso, o prefeito Mauricio lamentou não poder contar com a presença de todos os familiares e eleitores no momento da posse. “Para alcançar nossos objetivos lutamos muito, temos derrotas, temos vitórias, mas não cansamos nunca de ter esperança, pois a força de vontade nos torna vencedor. Hoje, com a graça de Deus, estou sendo empossado novamente para conduzir nosso município de Palmares do Sul como prefeito. Nada cai do céu ou chega de graça. Como disse, temos que lutar. Hoje é dia de agradecer a Deus, a comunidade que me deu os votos, saindo vencedor em todos os distritos e Sede, a minha equipe de secretários que entendeu as necessidades da nossa gente, que tentou de todas as formas trabalhar para o povo. Agradecimento especial também aos servidores públicos que nos ajudaram e muito, mas não me refiro em campanha, mas sim em seus trabalhos ao qual foram concursados. Peço a ajuda, em público, aos servidores para esse novo mandato”, disse o prefeito. Muniz ainda agradeceu ao partido, pela oportunidade de ter sido eleito e reeleito, sendo o primeiro emedebista a ocupar o cargo em Palmares, a coligação que compôs a chapa, ao vice Gilmar, a família e amigos.

O vice-prefeito eleito Gilmar Souza aproveitou a oportunidade para agradecer. “Hoje é um momento de agradecer. Nesta vida, às vezes temos altos e baixos, mas quando nós confiamos em Deus as coisas acontecem ao natural e vem no momento certo. Hoje sinto prazer em estar recebendo meu sétimo diploma em Palmares do Sul: um como Conselheiro Tutelar, quatro como vereador e dois como vice-prefeito. Parece pouco, mas não é. São 20 anos trabalhando para o nosso município. Sabemos que não é fácil, pegamos uma eleição tampão, e agora temos quatro anos para fazer aqueles tão sonhados projetos que pensamos em realizar por nosso município. Que possamos contribuiu para que Palmares seja um grande município, que atraia empresas trazendo emprego para nossa cidade. Essa será uma das metas nesses quatro anos”, comentou.

Continue lendo

Palmares do Sul

Palmares do Sul encerra a semana com mais um óbito e 116 casos ativos

Henrique Pajares

Publicado

em

A semana iniciou e terminou com o registro de óbitos em Palmares do Sul devido ao coronavírus. Na segunda-feira, a sexta morte pela doença, uma mulher de 64 anos, moradora da Sede, foi confirmada. Nesta sexta-feira, dia 11 de dezembro, a sétima pessoa a perder a vida por conta do covid-19 é um homem de 77 anos, morador do distrito de Frei Sebastião.

Somente no dia hoje, o município registrou ainda 17 novos casos, a maioria da Sede: sete mulheres, de 17, 18, 48, 59, 66, e duas de 30 anos, e dois homens, de 38 e 72 anos. Do Bacupari são cinco casos: duas mulheres, de 45 e 68 anos, e três homens, um de 21 e dois de 49 anos. Na Granja Vargas são um homem de 30 anos e uma mulher de 56 anos, além de um homem de Balneário Quintão, com 58 anos.

Palmares do Sul soma 427 casos confirmados da doença, com 304 já curados, tendo um alto número de casos ativos, 116. Outros seis pacientes estão hospitalizados.

Continue lendo

EM ALTA



Copyright © 2020 Jornal Integração. Desenvolvido por BLOOPER.